quinta-feira, 6 de abril de 2017

A Páscoa está para peixe



Herança dos nossos colonizadores portugueses, o bacalhau se tornou um verdadeiro clássico da culinária brasileira. O peixe salgado chegou à nossa mesa há cerca de cinco séculos atrás, quando os portugueses cruzavam os mares em viagens que duravam meses e por isso precisavam de uma alternativa para sua alimentação que resistisse aos dias sem refrigeração. Assim surgiu a técnica de secar e salgar o peixe, que se provou não apenas eficiente, mas também muito saborosa, se popularizando e ganhando um grande espaço nas duas cozinhas - lusitana e brasileira.

A Semana Santa é uma das datas mais celebradas com o uso do bacalhau, que é servido em diferentes preparações que agradam o paladar de toda a família.

No tradicional restaurante familiar Adega do Cesare, localizado no Posto 6, em Copacabana, o bacalhau é estrela de pratos fartos e ricos em sabor. O chef João Ribeiro apresenta quatro versões do peixe, passando por preparações clássicas e criações originais da casa. O bacalhau à Portuguesa (R$ 159 para duas pessoas) é cozido e guarnecido com brócolis, batatas, couve, ovo e cebola cozidos. A versão à Espanhola (R$ 159 para duas pessoas) serve o bacalhau cozido no molho de tomate com pimentão, ovos cozidos, cebola e batata. O bacalhau à Zé do Pipo (R$ 159 para duas pessoas) é o lombo de bacalhau grelhado e gratinado no forno, servido com purê de batatas, brócolis, creme da casa e aspargos. Por fim, o Bacalhau à Moda (R$ 159 para duas pessoas) vai à mesa grelhado, com batatas coradas, palmito, cebola, pimentão, azeitona e ovos.

O bistrô Uh Lalá, no Leblon, oferece opções saudáveis para agradar o paladar do comensal. A casa sempre conta com pratos diferentes, apostando na diversidade e sabor. Na Semana Santa, o destaque do menu vai para o Bacalhau mediterrâneo (R$ 56), posta de bacalhau gratinada, servida com tomates e azeitonas, sobre cama de batatas laminadas.

No japonês contemporâneo Yumê, no Jardim Botânico, a Semana Santa terá gostinho de novidade. Reduto de famosos, como a cantora Madonna e o cineasta Steven Spielberg, a casa oferece culinária oriental fusion da melhor qualidade e faz sucesso com criações cheias de personalidade e sabor. Para a data especial, o Yumê irá oferecer uma versão de um verdadeiro clássico oriental: o tempurá, empanado crocante preparado com massa koromo, feita com ovo, farinha e água, resultando em um prato sequinho por fora e fresco por dentro. Curiosamente voltando às raízes portuguesas, a receita foi levada da terrinha para o Japão por jesuítas missionários no século XVI. A tradição surgiu como uma alternativa à carne vermelha para a Semana Santa, e como não poderia ser diferente, o peixe da vez ganha nova forma com o Tempurá de bacalhau (R$ 110), servido com molho especial da casa, preparado com shoyu, olho de gergelim, alho e gengibre.

Debruçado sobre o mar da Praia Vermelha, na Urca, o restaurante Terra Brasilis oferece uma das mais belas vistas da cidade: o Pão de Açúcar e o Bondinho. Além de apreciar a paisagem de tirar o fôlego, o comensal ainda degusta o que há de melhor na culinária brasileira. Para inovar na Semana Santa, o restaurante traz uma novidade com gosto de Páscoa para seu menu executivo, que agora também será servido aos fins de semana devido ao sucesso e pedido do público. A criação da casa especialmente para o feriado é a Moqueca de bacalhau com arroz branco e farofa de banana (R$ 39), boa pedida para degustar o peixe de forma criativa e bem brasileira!

Combinação de bistrô, boulangerie e restaurante, o Guy é um oásis da boa gastronomia franco-brasileira localizado na bucólica Fonte da Saudade. Os gourmands que desejam celebrar a Semana Santa na casa vão degustar o peixe com um toque da gastronomia mais famosa do mundo, resultando em combinações deliciosas como o Morue da Lagoa (R$ 88), bacalhau assado em azeite extra virgem e legumes cozidos no vapor e Médaillons de Morue (R$ 68), bacalhau fresco cozido no vapor com azeite e ervas finas, molho de manteiga trufado, ervilhas salteadas e mousse de jambú.

Serviço:

Adega do Cesare
Endereço: Rua Joaquim Nabuco n44 loja A e B, Copacabana, Rio de Janeiro
Telefone 2523-1429 - 2523-0467
Horário de funcionamento: De 11h às 01h
Cartões de crédito: Todos - Cartões de débito: Todos - Cartões de refeição: Todos Tíquetes: Todos
Entrega em domicílio por toda Zona Sul.
www.adegadocesare.com.br

Uh Lalá
Endereço: Rua Aristides Espínola nº 88 Lj A/C - Leblon
Telefone: (21) 2279-4473 / 2512-0866 / 7891-2571
Horário de funcionamento: ALMOÇO: Segunda a Domingo das 11h30 às 16h. BAR: Segunda a Quinta das 19h30 à 00h, Sexta e sábado: das 19h30 à 01h.
Cartões de crédito e débito: Todos

Yumê
Endereço: Rua Pacheco Leão nº 758 - Jardim Botânico – RJ
Telefone: 3205-7321
Horário de funcionamento: Segundas das 12h a 00h; Terças, quartas e quintas das 12h as 01h, Sextas e Sábados de 12h as 02h e Domingos de 12h a 00h
Cartões de débito e crédito: Todos
Entrega em domicílio por toda Zona Sul
www.yumekin.com

Terra Brasilis
Endereço: Praça General Tibúrcio s/n - Urca
Telefone: 2275-4651
Horário de funcionamento: Quilo – De segunda à sexta de 11h30 às 15h30 e sábados, domingos e feriados de 12h às 16h. À la carte – De domingo à quinta-feira de 11h30 às 23h30 e sexta e sábado às 00h30.
Cartões de crédito e débito: Todos
Cartões de refeição: Aceita somente Visa Vale e PlanVale.

Nenhum comentário:

Postar um comentário