quarta-feira, 18 de abril de 2018

Tiee no Teatro Rival Petrobras



Diógines Tiee - um dos grandes nomes do samba e pagode do momento, celebra no Teatro Rival Petrobras, dia 19 de abril o primeiro ano de lançamento do seu CD

Em 2013, quando um vídeo caseiro de 3:40m foi postada no YouTube pelo cantor Ferrugem, logo bateu a marca de 1 milhão de visualizações com o hit “Climatizar”, e o compositor Diógines Tiee foi lançado para o grande público. Além de letrista de sucessos como “O Som do Tambor” e “Casa Azul”, somam-se composições gravadas por Arlindo Cruz, Péricles, Bom Gosto, Pixote, Thiaguinho, Belo e outros renomados do pagode.

Agora chegou a vez dele cantar seus hits no palco do Teatro Rival Petrobras. O show será nessa quinta - dia 19 de abril, às 19h30. E ganha participação de Sombrinha e Dine. No repertório, seus maiores sucesso como “Porradão”, “Eu Fico”, “Modo Avião”, além de “Reverberou”, “Lugarzinho”, entre outros. No palco, Michael – violão / Tuim Vasconcelos – cavaco / Paulista - sax e flauta / Leonan Viana – surdo / Charles Nunes - Tan tan / Jorginho – repique / Álvaro Victor – pandeiro / Rafael Tesoura – reco reco.

O ano de 2018, vem com muitas expectativas para Tiee: 20 anos de carreira, 1 ano de lançamento do CD, fez 32 anos (em fevereiro) e a comemoração de muitos sucessos na boca do povo. Suas raízes foram moldadas ouvindo Martinho da Vila, Benito Di Paula e Jorge Aragão, aliás, seu metre maior.

Referência musical - maior admirador de Jorge Aragão, a paixão é tão grande que ele usa a barda, design dos óculos e o vestuário preto em referência à ele, até segue a linha semelhante ao compor - “Quando vou escrever, eu penso o que Jorge pensaria, o que ele escreveria...”. Um fato prova o elo, a surpresa foi quando Tiee soube que Aragão havia gravado a música “Voltei”, e claro, foi uma realização.

Nascido e criado em São Gonçalo, Diógenes Tiee ganhou o apelido Tiê, que virou sua marca. O codinome veio pelo pai que achava a cor da pele do menino meio avermelhada e fez uma referência ao pássaro Tiê. Aliás, foi pelas mãos do pai que começou ainda pequeno, frequentar as rodas de sambas. Autodidata, aprendeu a tocar cavaquinho, banjo e violão. Aos 12 anos já tocava em pagodes e sambas.

Em rádio fez sua estreia pelo grupo “Vai Por Mim”, fazendo sucesso com “Embolaê”. O músico Diney também é um parceiro. Com pelo menos umas 200 músicas registradas, tem ainda uma outra penca para gravar. Pela Deck Disc, lançou o 1º CD, em 2016. “Gravei 12 faixas inéditas que ao decorrer do ano, acabaram sendo gravadas por outros artistas. Sendo assim, tive que voltar para o estúdio e gravar mais seis faixas”, afirma Tiee. Nasceu então: ”Som Pra Te Emocionar”, que chegou com a chancela de Wilson Prateado.

Com um jeitão simples, Tiee acredita no amor, suas letras falam de conquistas, de viver intensamente. Sem sombra de dúvida, será um ano de coroação para ele.

______________

Serviço

Teatro Rival Petrobras - Rua Álvaro Alvim, 33/37 - Centro/Cinelândia - Rio de Janeiro. Informações: (21) 2240-9796. Capacidade: 400 pessoas. Data: 19 de abril (quinta). Horário: 19h30. Abertura da casa: 18h. Censura: 18 anos. www.rivalpetrobras.com.br. Metrô/VLT: Estação Cinelândia

Ingressos: Venda antecipada pela Eventim - http://bit.ly/Ingressos2z0P23j

Setor A: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia*) | Setor B: R$ 50 (inteira), R$ 30 (para os 200 primeiros pagantes) e R$ 25 (meia*) | Setor B - laterais: R$ 40 (inteira), R$ 20 (meia* e 200 primeiros pagantes)

*Meia entrada: Estudante, Idosos, Professores da Rede Pública, Funcionários Petrobras

Bilheteria do Teatro Rival - Terça a Sexta das 13h às 21h | Sábados e Feriados das 16h às 22h

Nenhum comentário:

Postar um comentário